Rafaella Oka - 1ª capa da Revista Oka é a mulher à frente de tudo

Hey, Habib! A nossa primeira capa virou temática da Revista Oka. Nada mais justo que dar vez e voz para Rafaella Oka, a mulher à frente de tudo.

Rafaella Oka - 1ª capa da Revista Oka é a mulher à frente de tudo

Hey, Habib! A nossa primeira capa virou temática da Revista Oka. Nada mais justo que dar vez e voz para a mulher que decidiu ir contra todos que a desmotivavam e fazer exatamente aquilo que a faz sonhar. A narrativa de Rafaella Oka Lôbo Lustoza pode te causar um misto de sentimentos e, para que o mesmo não aconteça com a editora dessa matéria, a contarei na terceira pessoa do singular, para que minha imparcialidade seja mantida embora, somente agora, assuma que EU sou a protagonista dessa história.

Sobre Rafaella Oka

Rafaella Oka - 1ª capa da Revista Oka é a mulher à frente de tudo

Inicialmente Rafaella Oka Lôbo, brasileira, nascida em 29 de novembro de 1994, natural de Floriano Piauí, filha de Rosa com pai ausente. Primeira neta e filha mais velha, criada por família tradicional, descendente árabe, atualmente com 24 anos, casada e mãe da Aysha (uma poodle mestiça muito amada), produtora de conteúdo e moradora de Maracanaú-CE.

Rafaella teve uma infância e adolescência conturbadas. Suas vivências a fizeram uma mulher adulta forte que luta bravamente contra depressão, tricotilomania, transtorno de ansiedade generalizada, baixa autoestima e um tumor. Vale lembrar que esses problemas não a definem, muito menos queremos colocá-la em posição de vítima. É uma realidade difícil como a de milhares de brasileiros por aí.

Sonho e Superação – tudo no tempo de Deus

Para muitos pode parecer uma história triste mas para os que a conhecem é uma história real de superação. Mesmo com suas lutas diárias ela quer mostrar que é possível realizar os seus sonhos quando se persiste neles. Ela lembra que ainda não colocou fim em suas questões de saúde física e mental mas que o fato de continuar lutando a faz muito vitoriosa. Tudo é questão de não desistir até que as coisas aconteçam no tempo de Deus.

A Revista Oka é um sonho descoberto. Decidiu que trabalharia com o que ama e então se descobriu, após muito estudo e prática, produtora de conteúdo para web. Para encontrar o formato ideal não foi do dia para a noite. Ela vem tentando esse meio há muitos anos. Quando se viu como uma mulher batalhadora e cheia de conteúdo mas sem grandes oportunidades e espaço, decidiu criar o seu próprio e dar voz e vez para outras mulheres, incentivando-as a assumir seus papéis.

Uma mulher com conteúdo faz o que quer

Rafaella Oka - 1ª capa da Revista Oka é a mulher à frente de tudo

Aos poucos a revista digital foi tomando forma e está constantemente em evolução, assim como sua criadora. Rafaella Oka se engaja em projetos que coloque a mulher como protagonista, em papel de destaque e se identifica com histórias onde uma mulher comum chega e faz acontecer. Não é à toa que sua frase de motivação é “uma mulher com conteúdo faz o que quer”. Ela se realiza sendo a mulher à frente da sua própria revista, do seu próprio canal de comunicação e vibra em ver um crescimento real e orgânico.

Na Revista Oka, Rafaella não é só a fundadora do veículo. É ela marketing, criação, edição, redação, jornalista, blogger, modelo, vendedora, financeiro, designer, publicidade, e principalmente autenticidade. Ela toca o seu sonho sozinha e faz acontecer junto com aqueles que se identificam, curtem, apoiam e incentivam. Para ela, seu coração não tem limitação geográfica e sua revista também não poderia ter.

O digital pode alcançar o mundo e a autenticidade, conquistá-lo

A Revista Oka é um veículo digital que permite ser consumida de qualquer lugar do mundo. É interessante lembrar que em 3 meses de lançamento, ela conquistou público de todos os estados do Brasil, organicamente, estando longe de ser regional. Por ter avós árabes e por presenciar tanto da cultura deles, ela tem um amor genuíno pela cultura árabe, principalmente quanto à música, dança, língua, vestes e culinária.

Espelhou suas vivências para a sua linguagem e o bordão “habib”, que significa querido/amado, pegou entre seus seguidores como uma característica da sua comunicação e relacionamento com eles. O Oka é seu sobrenome de origem árabe, do qual muito se orgulha, herdado da família materna. Resolveu usá-lo em tudo que ama como homenagem à sua avó, por isso seu veículo leva o nome de Revista Oka.

Ela afirma que está só começando e que quer chegar a lugares inimagináveis e levar a sua Revista para os quatro cantos do mundo a fim de impactar e transformar a vida de outras mulheres. Para ela a Revista Oka não é um veículo comum de comunicação, é um ponto de apoio. Um lugar onde a mulher que acessa encontra informação, atualizações, apoio e tudo que a faça seguir firme em seus sonhos, através de um conteúdo passado de forma sensível e de impacto. Não há dúvidas que ela vai continuar até conseguir porque Deus a fez com uma missão, que será cumprida.

Rafaella, do hebráico, curada por Deus.

Rafaella Oka

Comentários

1 I like it
0 I don't like it